BEM VINDO




12 de jul de 2011

CORPO HUMANO

CORPO HUMANO


Corpo Humano
Em sintonia...
Em completa sintonia, os órgãos do corpo humano mantêm uma verdadeira máquina em ação, realizando tarefas que os cientistas muitas vezes demoram anos para descobrir como funcionam.
O cérebro é quem comanda tudo... Através de milhões de células nervosas, chamadas de neurônios, ligadas a todas as partes do corpo, o controle dos órgãos e glândulas do corpo ocorre de forma harmônica.
sistema respiratório exerce função fundamental: leva o oxigênio do ar até as nossas células.
Para os alimentos serem aproveitados, gerando energia para o trabalho do corpo, entra em ação o sistema digestório.
Nenhum desses dois sistemas concluiria suas tarefas sem o sistema circulatório, formado por um complexo de vasos sanguíneos, que transportam nutrientes, oxigênio e excretas que devem ser eliminadas.
E não para por aí! Ainda temos o sistema excretor, responsável por filtrar e eliminar substâncias do organismo; o sistema imunológico, responsável pela defesa orgânica, o sistema esquelético, que coordena nossas ações, etc.

Curiosidade
A cada sílaba que o homem fala, 72 músculos entram em movimento. Para sorrir, são utilizados 14 músculos. Para beijar, 29.
(fonte: Guia dos Curiosos)

CINEMA

CINEMA


Cinema
Pipoca, refrigerante, uma tela enorme na sua frente e um mundo de aventura, suspense, romance ou qualquer outro gênero que seja seu preferido. Este é o cinema! Entretenimento garantido para todas as idades e para as mais diversas preferências!
O cinema é um sistema de reprodução de imagens em movimento, registradas em filme e projetadas sobre uma tela, dessa forma podemos perceber que o cinema teve origem no desenvolvimento de técnicas de fotografia.
Estudos arqueológicos e históricos mostram que o homem sempre se preocupou em registrar o movimento. Desenhos pré-históricos não deixam dúvidas a respeito dessa preocupação.
Na China, no ano 5.000 a.C., surge a primeira tentativa de projeção, na verdade projeção de sombras feita sobre paredes ou telas de linho, usando objetos recortados ou pelo movimento das mãos para representar figuras humanas ou de animais.
No século XV, Leonardo da Vinci cria a "câmera escura", ou seja, uma caixa fechada, possuindo um orifício com uma lente, local destinado a passagem da luz produzida pelos objetos externos. A imagem refletida no interior dessa caixa era a inversão do que se via na realidade.
Pouco mais tarde, no século XVII, O alemão Athanasius Kirchner criou a Lanterna Mágica, objeto composto de um cilindro iluminado à vela, para projetar imagens desenhadas em uma lâmina de vidro.
Mas foi no final do século XIX, em 1895, na França, os irmãos Louis e Auguste Lumière inventaram o cinema e modificaram a forma de ver e interpretar o mundo.
No início eram só imagens...
No início os recursos tecnológicos eram precários e era impossível pensar em sincronizar imagem e som na projeção. Assim, os primeiros filmes conhecidos pelo público eram sem nenhum som, o chamado cinema mudo. Na verdade eram documentários, pois tinham a duração de no máximo dois minutos, todos baseados em cenas do cotidiano, como por exemplo, a chegada do trem na estação, o almoço do bebê e cenas no mar. Charles Chaplin foi uma figura marcante no cinema mudo, além de atuar, Chaplin dirigiu, escreveu e produziu vários filmes, tornando-se uma das personalidades mais criativas e influentes da era do cinema mudo. Ele continuou atuando no cinema falado.
cinema falado surge a partir da invenção do americano Lee de Forest, que criou um aparelho que possibilitava a gravação magnética em película (1907), com reprodução simultânea de imagens e sons.
Conheça os gêneros:
Musical: este gênero se caracteriza por roteiros musicais que mesclam danças, cantos e músicas entre as cenas do filme. Os musicais mais conhecidos são: Caçadoras de Ouro (1933), A Canção do Deserto (1933), O Rei do Jazz (1933), Mágico de Oz (1939) e O Protegido do Papai (1940).
Comédia: gênero de filme baseado no humor, algumas vezes usado para críticas sociais, cotidianas e políticas. Muitos filmes fizeram sucesso nesta época, conheça alguns deles: "No Hotel da Fuzarca" (1929), "Diabo a Quatro" (1933) e Uma Noite Na Ópera (1935), O Gordo e o Magro (1933), "Luzes da Cidade" (1931) e "Tempos Modernos" (1936), esses dois últimos com Charles Chaplin que continua brilhando depois do cinema mudo.
Western: gênero específico do cinema americano, o western ou faroeste explora marcos históricos, como a conquista do Oeste, a guerra de secessão e o combate contra os índios. As cenas tem muita ação e aventura envolvem caubóis e xerifes, mocinhos e bandidos. Os mais conhecidos são: Jornadas Heróicas (1937), No Tempo das Diligências (1939), Sangue de Herói (1948) e O Céu Mandou Alguém (1948).
 Terror: são vários os filmes desse gênero, que têm em comum o suspense, desequilíbrio e a distorção do real. O mais conhecidos são: Drácula (1931) e Frankenstein (1931) entram em cena e O Médico e o Monstro (1932). Muitos outros, também muito assustadores surgiram depois para tirar o fôlego de qualquer um!
 Policial: com cenário de suspense e cenas de crimes e violência esse gênero sempre apresenta detetives, policiais, aristocrátas e belas mulheres em cena. Os mais conhecidos no início são: Scarface (1932) e Falcão Maltês (1941). Atualmente existe uma grande relação de títulos nesse gênero.
 Ação: este gênero apresenta sempre personagens voltados mais para "o bem" que disputam acirradamente com personagens "do mal", com muita disputa, brigas e usa da força física para resolver a trama principal do filme. Entre os mais conhecidos inicialmente estão: King Kong ( 1933), As Aventuras de Robin Hood (1938), A Marca do Zorro (1940) e Os Sete Samurais (1954). Também nesse gênero a quantidade de filmes de ação que existem atualmente é imensa.
 Cinema no Brasil
 A projeção de filmes não demorou muito a chegar no Brasil. A primeira sessão de cinema aconteceu em 08/07/1896, no Rio de Janeiro, somente sete meses depois da exibição dos filmes dos irmãos Lumière em Paris. Passado pouco mais de um ano, Paschoal Segreto e José Roberto Cunha Salles inauguram, na rua do Ouvidor - Rio de Janeiro, uma sala permanente e em 1898, Afonso Segreto roda o primeiro filme brasileiro que representava apenas algumas cenas da baía de Guanabara. Depois disso somente curtas que mostravam o cotidiano carioca e filmagens de pontos importantes da cidade.
Desde desse período até hoje, o cinema brasileiro teve altos e baixos, mas nunca parou. Já produziu aproximadamente 2 mil filmes e conquistou mais de 50 prêmios internacionais.
Para conhecer como se deu a evolução do cinema no Brasil, clique aquihttp://www.webcine.com.br/historia4.htm#Origem
Também na página www.webcine.com.br/cronolo_brasil.htm você pode conhecer a cronologia do cinema no Brasil.
 Cinema 3D
Imagine você ter a nítida sensação de ver monstros saltando da tela, flechas vindo em sua direção e ter certeza que está viajando no espaço sideral, pois tudo isso e muito mais é possível com o cinema 3D ou terceira dimensão.
A primeira exibição em 3D foi em 1922, em um teatro em Los Angeles com o curta “A Força do Amor”. Só que na época não fez muito sucesso e ocorreu apenas uma exibição.
Para assistir ao cinema 3D é preciso usar óculos especiais, os óculos polarizados que garantem uma melhor percepção.
Desde 1922, a tecnologia avançou e favoreceu muito a produção de filmes em 3D. As técnicas de filmagem também evoluíram e atualmente há empresas que estudam ampliar mais as alternativas de vivenciar realmente o filme, como por exemplo, codificar aromas que possam ser percebidos pelos espectadores.
A primeira sala de 3D inaugurada no Brasil foi em Dezembro de 2006, no shopping Eldorado pela rede Cinemark, e desde então já foram criadas 25 salas só em São Paulo.
O que é o Oscar?
A premiação máxima do cinema mundial é o Oscar. A primeira entrega de prêmios foi realizada em maio de 1929 e o filme ganhador foi "Asas", com direção de William A. Wellman estrelando Sylvia Lewis, Gary Cooper e Cadet White.
Eleger os filmes eleger os filmes premiados envolve aproximadamente 4.755 pessoas que tem direito a voto. Todos são profissionais do ramo: atores e atrizes, produtores, diretores, roteiristas, cenógrafos, montadores, fotógrafos, músicos, maquiadores. A Price Waterhouse, empresa de consultoria e estatística, organiza a votação na qual cada integrante da Academia vota em candidatos de sua mesma especialidade (fotógrafos votam em fotógrafos, atores em atores, etc.), mas todos elegem o Melhor Filme. Em uma segunda fase, a firma seleciona os cinco mais votados em cada categoria e é feita nova votação, desta vez com todos os membros da Academia. O sigilo é absoluto e jamais se soube de algum caso de quebra de segredo.
As cédulas são enviadas pelo correio e devolvidas à Academia em envelopes sem identifição do remetente. Já a apuração é feita por computador e colocada em envelopes lacrados, que são abertos apenas na noite da entrega do Oscar. Nem a Academia sabe de quantas estatuetas vai precisar.
(fonte: Webcinema)
Curiosidades
O filme Gandhi (1982) usou o maior número de figurantes já registrado na história do cinema: foram cerca de 300.000.